DIVULGANDO | XI COPENE – “NEGRAS ESCREVIVÊNCIAS, INTERSECCIONALIDADES E ENGENHOSIDADES”

Prezados e prezadas,  

O COPENE, nesta décima primeira edição, apresenta o tema: “NEGRAS ESCREVIVÊNCIAS, INTERSECCIONALIDADES E ENGENHOSIDADES”. O tema escrevivências busca dar destaque para as experiências coletivas dos corpos negros, especialmente das mulheres negras, como foco da dupla discriminação de raça e gênero; articula-se com a interseccionalidade que remete aos cruzamentos de hierarquizações de raça com outros eixos de desigualdade social, tais como gênero, identidade de gênero, sexualidade, classe, idade, deficiências, diferenças linguísticas; e com engenhosidades que remete a emergência da criatividade e resistências negras para lidar com as ambiguidades do contexto atual, de recrudescimento de políticas públicas e políticas identitárias ao mesmo tempo em que alguns frutos de ações afirmativas se manifestam. A Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as – ABPN e a Universidade Federal do Paraná (UFPR) no papel de instituições organizadoras desta edição do COPENE vem por meio desta realizar chamada aberta a especialistas, mestres e doutores com produção acadêmica concernentes às áreas priorizadas nos eixos temáticos a seguir:

  1. Afrocentricidade: contribuições para pesquisas e práticas sociais no Brasil.
  2. Alvos negros: guerra às drogas, encarceramento e juvenicídio.
  3. Currículo y diáspora africana em América Latina y el Caribe. Experienciais, alcances y desafios.
  4. Filosofia africano-brasileira: diálogos filosóficos entre o Atlântico e o Índico. 
  5. Intolerância Religiosa e Racismo Religioso no Brasil: desafios epistemológicos.
  6.  Literatura, Língua e Artes: Linguagens d’Áfricas e suas diásporas Memórias e Histórias de Bairros Negros e Populações Negras no Século XX. 
  7. Nós por nós – Matriarcado Afreekana Narrativas Cruzadas Negros ao Brasil.
  8. Professoras doutoras negras e suas práticas de insurgências nos espaços acadêmicos. 
  9. Relações étnico-Raciais: espaço escolar e não escolar na efetivação da luta antirracista.
  10. Vozes Apagadas: (R) Existências de Travestis e Mulheres Transexuais Negras no Brasil.

Informação importante: 

 Começa dia primeiro (1°) de setembro (09) de 2020 e vai até o dia seis (06) de novembro (11) de 2020 o recebimento de capítulos para publicação especial do XI COPENE.  

Se atente ao cronograma: 

01 de set. 2020 – Início do recebimento de capítulo para publicação especial. Inscrição realizada exclusivamente via site: https://www.copene2020.abpn.org.br/site/capa

Formato do artigo: Seguir orientações do Template.

06 de nov. 2020 – Término do recebimento de capítulo para publicação especial 

14 de dez. 2020- Avaliação das/os coordenadoras/es 

10 de jan. 2020- Confecção do ebook pela editora 

Março – 2021- Impressão  

Maio- 2021- Divulgação no evento presencial do XI COPENE 

Qualquer dúvida, por favor, contate-nos – xicopene2020@gmail.com

Divulgando | XXI Fábrica de Ideias – Pandemias & Utopias

Estão abertas as inscrições para a XXI edição da Escola Doutoral Fábrica de Ideias, que será realizada com abrangência global, de forma inteiramente virtual, em duas jornadas (dezembro de 2020 e maio de 2021), com o tema Pandemias & Utopias: agendas políticas e possibilidades emergentes.
Público-alvo: estudantes de doutorado, ou, excepcionalmente, de mestrado, com projetos de pesquisa que dialoguem com o tema desta edição, de qualquer parte do mundo
Maiores informações: https://fabricadeideias.info/Consulte aqui o edital completo da seleção internacional.Contato: fabricadeideias@ufma.br

Divulgando | III Encontro da Rede Brasileira de Estudos da China

“Temos a honra de anunciar o III Encontro da Rede Brasileira de Estudos da China com o tema “O Sul Global no contexto da Disputa Hegemônica China-EUA“. O evento ocorrerá nos dias 14, 15 e 16 de outubro de 2020 e está sendo realizado pelo Instituto de Estudos da Ásia da Universidade Federal de Pernambuco (IEASIA/UFPE).

A RBChina começou a se articular em novembro de 2017, e consolidou uma rede com mais de 200 pessoas dentre acadêmicos(as), diplomatas, advogados(as), jornalistas, artistas, empresários(as) e estudantes, espalhados(as) pelos diversos estados brasileiros e em outros países. É uma rede em processo de ampliação, que tende a ser um importante fórum nacional dedicado à China. Já foram realizados dois encontros nacionais, o primeiro em 2018, na cidade de Belo Horizonte, e o segundo em Campinas, no ano seguinte. Em 2018, o evento teve o apoio da Embaixada da China no Brasil e da Associação de Amizade do Povo da China com os Países Estrangeiros, que organizaram a vinda ao Brasil de acadêmicos chineses. Em 2019, o Encontro contou com a participação de pesquisadores da Academia Chinesa de Ciências Sociais (CASS) através do Centro CASS – Unicamp de Estudos sobre a China.

Em 2020, o Encontro Nacional da RBChina ocorreria de maneira presencial na cidade de Recife, porém, devido à pandemia de Covid-19, será realizado no formato virtual. Além de acadêmicos(as) das principais universidades brasileiras, também participarão do encontro pesquisadores(as) da China Foreign Affairs University, Shanghai Jiao Tong University e do Shanghai Institute for Foreign Policy Studies.

O evento será completamente online e gratuito, composto por palestras e debates com convidados(as) de vários estados do Brasil e universidades chinesas. A programação completa e outras informações sobre a transmissão do encontro serão divulgadas em breve”.

As inscrições podem ser feitas através do link https://bit.ly/3bX1QML.

Para dúvidas e maiores informações, podem nos contactar pelo e-mail

Instituto de Estudos da Ásia
Institute of Asian Studies

Blog: Instituto de Estudos Sobre a Ásia
Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Biblioteca Central Térreo

Av. Reitores – Cidade Universitária, Recife/PE – 50741-000, Brazil

Divulgando | 20 anos do Doutorado em Antropologia da UFPE/PPGA/DAM

“O Programa de Estudos Avançados de Cultura Contemporânea, sediado no PPGA do Departamento de Antropologia e Museologia (DAM/UFPE), em consonância com os objetivos e metas da UFPE, vem realizando e ofertando aos nossos estudantes de graduação e pós-graduação aulas, cursos, palestras e outras atividades pedagógicas online, através de nosso EADAM (educação a distância do DAM). Contamos ainda com um Atelier Multimeios voltado para o desenvolvimento de tecnologias digitais, produção audiovisual e cursos online.

Confira nossa programação: www.observamus.com.br/


Para celebrar os 20 ANOS DO DOUTORADO EM ANTROPOLOGIA DA UFPE, o Programa de Estudos Avançados de Cultura Contemporâneada(UFPE) promoverá uma série de eventos. O primeiro deles será o Seminário “Revisitando narrativas: 20 anos de doutorado no PPGA”, organizado pelo HISTAS, nos dias 29 e 30 de setembro (terça e quarta), das 9 às 12, transmitido através da plataforma do EAD/DAM. Brevemente será divulgada a programação completa, Incluindo também nossos cursos de verão”.

Cadastre-se no link:

www.humanidadesdigitais.com.br

Divulgando | I Encontro do Grupo de Estudos Afrika’70: 60 anos da Independência da Nigéria em perspectiva

O I Primeiro Encontro do Grupo de Estudos Afrika’70 será realizado entre os dias 02 e 16 de outubro de 2020, perfazendo uma carga horária total de 14 horas e com certificação. O nosso público alvo são estudantes e professores de história e de áreas afins. O evento tem o objetivo de promover, através das plataformas virtuais, encontros e discussões entre pesquisadores, professores, estudantes e artistas promovendo reflexões acerca de aspectos da história contemporânea da Nigéria.

I Encontro do Grupo de Estudos Afrika’70:

60 anos da Independência da Nigéria em perspectiva

Realização:

Afrika’70 – Grupo de Estudos em História da África Contemporânea/UFPE

Curso de Licenciatura em História /UFPE

Colaboração:

Instituto de Estudos da África/ UFPE

Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros/ UFPE

Objetivo: Promover, através de plataforma virtual, encontro e discussão entre pesquisadores, professores, estudantes e artistas para refletir acerca de aspectos da história contemporânea da Nigéria.

Público alvo: Estudantes e professores de História e áreas afins.

Data: entre 02 e 16 de outubro de 2020.

Período para inscrição: entre 21 e 30 de setembro de 2020.

Formulário para inscrições a ser disponibilizado no perfil do instagram @projetoafrika70 

Carga horária total: 14h

Com certificação

Coordenação: Dra. Luiza Reis

Monitoria: Clayton Márcio Rodrigues e Ingrid Santos

Dossiê “Produções Culturais Contemporâneas: sociedade, política, cultura e produção de significados”

Segue o Dossiê “Produções Culturais Contemporâneas: sociedade, política, cultura e produção de significados”, organizado pelos pesquisadores do IEAf-UFPE  Remo Mutzenberg e Aristeu Portela Jr. e Eliane Veras. O dossiê é resultado da articulação de pesquisadores universidades africanas, brasileiras e europeias e contou com o apoio financeiro do Edital Capes Print – UFPE (2018).


O link abaixo dá acesso a todos os artigos. Segue em anexo  a apresentação do Dossiê.
https://periodicos.ufpe.br/revistas/revsocio

Divulgando | Fórum: De onde você fala? De onde você me escuta?

banner_conferencia

O Programa de Estudos Avançados de Cultura Contemporânea do DAM/UFPE encerrará o curso de inverno no próximo dia 31 de agosto. O último módulo do curso ocorrerá sexta-feira, dia 28, das 14h às 16h, sob a responsabilidade do Prof. Dr. Ismael Tcham (Unilab/UFBA).

CARTAZ-ISMAEL

No dia 31 (segunda-feira) às 15 horas teremos a finalização do curso com um Fórum intitulado: De onde você fala? De onde você me escuta? Contaremos com a participação de professores e formadores de opinião ligadas a várias instituições nacionais. Confira a programação na página do Programa de Estudos Avançados de Cultura Contemporânea www.observamus.com.br

Para participar do curso é necessário entrar no link abaixo e fazer a inscrição na EADAM. Acesse o Link: http://humanidadesdigitais.com.br/course/view.php?id=9

Divulgando | Transmissão ao vivo do Grupo Afrika’70

IMG-20200827-WA0001
Há dois anos, o Afrika’70 – Grupo de Estudos em História da África contemporânea/UFPE realizou a leitura dramática do texto O Leão e a Joia escrito pelo dramaturgo nigeriano Wole Soyinka. Para relembrar essa experiência e discutir o potencial das artes no ensino de História da África convidamos tod@s a acompanhar nossas lives na página do instagram.
Nesta primeira live, dia 29/08/2020, convidamos a historiadora Fernanda Gallo (UNICAMP) para dialogar sobre o texto de Wole Soyinka e suas possibilidades educativas.
Fernanda Gallo é Pós-doutoranda em Teoria e História Literária (IEL-UNICAMP); Atua nas áreas de história, antropologia, patrimônio cultural imaterial e literatura, com ênfase no continente africano, a exemplo de Moçambique, país onde realizou pesquisa de campo entre os anos 2012-2016 e desenvolveu projetos artísticos como o vídeo documentário “Na Rota Da Marrabenta: Música moçambicana em Movimento” (2014).
O que? Lives do Grupo Afrika’70
Quando? Aos sábados, às 17h
Página? @projetoafrika70
Coordenação: Luiza Reis
Curta, compartilhe a acompanhe!