Divulgando – Seminário Marcas do Desterro: moçambicanos deportados em São Tomé nos anos 1950 – Prof. Dr. Lucca Bussoti

Cartaz Seminario Sociologia - 31 MAI 2019-1

Oferta de disciplina: O processo de democratização em Moçambique: história, rupturas e continuidades – Prof. Dr. Luca Bussotti

O PPGS-UFPE oferece a disciplina: CSO 1049 – Tópicos Especiais de Pesquisa I : O processo de democratização em Moçambique: história, ruturas e continuidades.

Carga horária: 15h

Professor: Luca Bussotti

REQUERIMENTO DE MATRÍCULA – Prazo: 27 de MAIO à 04 de JUNHO de 2019.

EFETIVAÇÃO DA  MATRÍCULA  –Prazo: 05 a 07 de JUNHO de 2019.

PERÍODO DAS AULAS: 10 à 14 de JUNHO DE 2019

Os alunos deverão efetuar a matrícula na secretaria do PPGS conforme edital de matrícula.

As aulas ocorrerão no Auditório Manoel Correira de Andrade, localizado no 3º andar do CFCH,  de 08:30h às 12:30hrs.

Maiores informações acessar: https://www.ufpe.br/ppgs

 Promoção: PPGS/IEAf

Edital de Matrícula 2019-1_CSO 1049

Ficha de Matrícula CSO 1049 – 2019-1

Plano de Ensino – CSO1049 Democracia em Moçambique

Divulgando – Cineclube Alma no Olho apresenta: O cinema em Moçambique por Moçambicanos

59993983_996714437186540_3862889398429286400_n

Na primeira sessão do nosso cineclube exibiremos curtas-metragens produzidos pelos estudantes do Instituto Superior de Artes e Cultura de Moçambique. 

Em breve divulgaremos os filmes e sinopses.

Dia 17 de Maio às 17h no Auditório Evaldo Coutinho no Centro de Artes e Comunicação da UFPE.

Esperamos vocês! 

Para maiores informações:  https://www.facebook.com/almanoolho/photos/rpp.744395062418480/996714430519874/?type=3&theater

Convite: SEMANA INTERNACIONAL DA ÁFRICA NA UFPE – 2019

É com satisfação que convidamos todas e todos a participarem da SEMANA INTERNACIONAL DA ÁFRICA NA UFPE – 2019, programada para ocorrer nos dias 20, 22, 23, 24 e 26 de maio de 2019.

A programação conta com uma Mostra de Cinema Africano, uma roda de conversa sobre Artes Negras em Pernambuco, a conferência “Reflexões acerca da África Contemporânea” – ministrada pelo professor Fernando Wilson Sabonete, a reunião da comunidade de estudantes africanos em Pernambuco e a apresentação da peça teatral OMBELA, baseada no texto do escritor angolano Manuel Rui e interpretada pelo Grupo teatral O Poste: soluções luminosas.

As inscrições serão realizadas na abertura do evento e haverá certificado aos que comparecerem a 75% das atividades.

Semana Internacional da África na UFPE PDF-1

Semana Internacional da África na UFPE PDF-2Semana Internacional da África na UFPE PDF-3Semana Internacional da África na UFPE PDF-4

ORGANIZAÇÃO: IEAF/NEAB/ASSOCIAÇÃO DOS ESTUDANTES AFRICANOS DE PERNAMBUCO

Apoio: Fundaj/Afrika’70 – Grupo de Estudos em História da África Contemporânea/Estudantes das disciplinas História da África e Artes africanas e afro-brasileiras (DH/UFPE)

Para maiores informações: ieafricaufpe@gmail.com

 

Divulgando: Seleção para professor Substituto em História da África UNILAB

unilab

A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) está com edital aberto para seleção pública para professor substituto de História da África do Instituto de Humanidades (IH), em Redenção, no Ceará. As inscrições estão abertas e vão até 31 de maio, conforme Edital nº 12/2019. É necessário ter diploma de graduação e mestrado na área de Ciências Humanas e/ou Sociais.

As inscrições devem ser feitas de forma presencial ou por procuração, na Secretaria do IH, no horário das 13h às 19h, excluindo-se os sábados, domingos e feriados.

O processo seletivo se dará nas etapas de prova didática e avaliação de títulos. O candidato habilitado será contratado para o regime de trabalho de 40 horas semanais. A remuneração será composta pelo Vencimento Básico (VB) de Professor Assistente-A acrescido da Retribuição de Titulação de Mestre (RT), totalizando o valor de R$ 4.272,99.

Maiores informações:
http://www.unilab.edu.br/noticias/2019/05/07/abertas-as-inscricoes-para-professor-substituto-do-instituto-de-humanidades/

Chamada para artigos | Sintidus – Revista de Estudos Científicos e Interdisciplinares da Universidade Lusófona da Guiné – número 3

 

SintidusRevista de Estudos Científicos e Interdisciplinares da Universidade Lusófona da Guiné abre chamada para artigos para aquele que virá a ser o número 3.

A chamada para artigos permanecerá aberta até 15 de junho de 2019.

Intruções para autores.

Mais informações: sintidus.revista@gmail.com

Logotipo_SIMPLES

Sobre a Sintidus

Sintidus é uma revista científica e interdisciplinar que pretende divulgar estudos que se debrucem sobre a Guiné-Bissau ou sobre as conexões históricas e contemporâneas construídas entre o espaço guineense e os lugares materiais e imateriais que configuram o mundo. O nome Sintidus, forma pluralizada do termo sintidu, em Kriol da Guiné, é um termo multidimensional cuja acepção alude à pluralidade de consciências, significados e direcções. É nessa multidimensionalidade que reside a resiliência, complexidade e pluralidade das geografias físicas, sociais e políticas da Guiné-Bissau e é aí que a Sintidus se pretende situar. A revista Sintidus foi fundada a 22 de Novembro de 2016 na Universidade Lusófona da Guiné em Bissau e bocadu n’bocadu dialogará, pela escrita, diversos pensamentos, argumentos e experiências de arquivo, laboratório ou campo.