Divulgando | X Seminário de Educação e Relações Raciais – “População negra em movimentos: religiosidades, saberes e militâncias” | CE/UFPE

NEAB 01

O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da Universidade Federal de Pernambuco – NEAB/UFPE, tem o prazer de convidar V.S.ª para o X Seminário de Educação e Relações Raciais, com o tema: “População negra em movimentos: religiosidades, saberes e militâncias”, o qual será realizado nos dias 20, 21 e 22 de novembro, no Centro de Educação da UFPE.

A entrada é aberta ao público e as inscrições serão realizadas no local para a emissão de certificado.

Contamos com a sua presença.

Segue a programação completa do Seminário:

NEAB 02

NEAB 03

NEAB 04

NEAB 05

Chamada de publicação de artigos para o Dossiê Temático – CIÊNCIAS SOCIAIS AFRICANAS E AFRODIASPÓRICAS: ABORDAGEM TEÓRICA, METODOLÓGICA E TEMÁTICA | Revista da ABPN

37106257_460560661038750_4122902629720260608_oChamada de publicação de artigos para o Dossiê Temático

Edição: v.13 n.36 | Mar – Mai 2021

CIÊNCIAS SOCIAIS AFRICANAS E AFRODIASPÓRICAS: ABORDAGEM TEÓRICA, METODOLÓGICA E TEMÁTICA

Prazo de envio: 31 de novembro de 2020

Organização: Prof. Dr. Bas´Ilele Malomalo (UNILAB) & Prof. Dr. Dagoberto José Fonseca (UNESP)

 A Revista da ABPN é um periódico de acesso livre e gratuito, publicado com periodicidade trimensal pela Associação Brasileira de Pesquisadores(as) Negros(as), em versão eletrônica, disponível em: http://abpnrevista.org.br/revista. Seu principal objetivo é dar visibilidade às discussões sobre relações raciais a partir da produção de pesquisadores(as) e intelectuais negros(as), bem como de outros(as) comprometidos(as) com a promoção da equidade racial e a produção de conhecimento sobre África e diásporas africanas, em escalas nacional e internacional. Tem como público-alvo pesquisadores(as) e comunidade acadêmica em geral, membros de organizações e instituições que trabalham com a questão racial, pessoas interessadas no debate sobre as relações raciais. Confira os Dossiês Temáticos já publicados: http://abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/normativa

Para alcançar seus objetivos relativos a publicação científica qualificada, a ABPN organiza seus afiliados/as em áreas de conhecimentos, e as Ciências sociais são umas de suas subdivisões. Nesse sentido, em um primeiro momento, esse dossiê pretende receber textos de pesquisadores/as formados/as em e/ou que trabalham com as áreas de Ciências sociais, no seu entendimento tradicional: Antropologia, Ciência Política, Sociologia e Relações Internacionais. Considerando e ampliando, em segundo momento, o entendimento do CODERSIA – Conselho para o Desenvolvimento da Pesquisa em Ciências Sociais em África sobre o tema em pauta, podem ser submetidos igualmente textos de outras áreas de humanidades (Letras, Filosofia, História), Ciências sociais aplicadas (Geografia, Economia, Serviço Social, Administração, Direito) ou áreas interdisciplinares (Estudos africanos, Estudos das relações raciais) desde que dialoguem estritamente com as Ciências sociais e os objetivos específicos do dossiê.

Tendo em conta, de um lado, no Brasil, os avanços de produções científicas sobre a África e população negra nas Áreas como História da África, Literatura Africana e Literatura negra, Estudos africanos, Sociologia das relações raciais, Antropologia afro-brasileira, objetiva-se privilegiar o recebimento de artigos sobre Sociologia africana e Antropologia africana. De outro lado, vista a invisibilidade de populações negras nas produções ligadas à Ciência Política e Relações Internacionais, motiva-se o envio de textos dessas duas disciplinas e conexas que tratam de temas sobre a África, de raça, negros, mulheres negras na África e nas diásporas africanas. Os textos em questão deverão debruçar-se em questões pedagógicas, teóricas, conceituais e metodológicas. São bem-vindas igualmente resultados de pesquisa que retratam temas particulares.

Com isso, espera-se preencher as lacunas que a produção em torno de Ciências Sociais africanas comporta no Brasil e recolher propostas novas e inovadoras nas áreas tradicionais já consolidadas como Sociologia das relações raciais e Antropologia afro-brasileira.

Aceita-se contribuições nas seguintes línguas: portuguesa, espanhola, francesa e inglesa. O prazo de recebimento de textos será até o dia 31 de novembro de 2020. Os artigos devem seguir as normas de publicação e ser enviados para: escolaafricana@gmail.comdagoberto.jose@unesp.br

A previsão de lançamento do dossiê é até o dia 30 de maio de 2021.

Normas para publicação: http://abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/condicoes

Divulgando: 11º Congresso Ibérico de Estudos Africanos

11 congresso

O 11º Congresso Ibérico de Estudos Africanos (CIEA11) vai realizar-se em Lisboa, nos dias 2 a 4 de julho de 2020, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. O CIEA11 será organizado pelo Centro de História da Universidade de Lisboa (CH-ULisboa).

Desde 1991 e ao longo de dez edições, o Congresso Ibérico de Estudos Africanos (CIEA) constituiu-se como um espaço singular de encontro, partilha e questionamento sobre a produção académica ibérica e internacional no domínio dos Estudos Africanos. O CIEA10 realizou-se em Granada, em janeiro de 2018, e foi organizado pelo AFRICAInEs: Investigación y Estudios Aplicados al Desarollo, Universidade de Granada.

O 11º CIEA adota como lema: Trânsitos Africanos no Mundo Global: História e Memórias, Heranças e Inovações.

Para mais informações, acesse: https://ciea11.pt/?fbclid=IwAR11bFgXQIvgHqtJl6UD9iYrjj1kjy1x7vqeFpZOQ97KIezhY-56yYqvxkE

Chamada de artigos – Dossiê: Coetaneidade e pós-colonialidade nos Estudos Africanos (Mediações, vol. 25, n. 1 – 2020/1)

mediações

Dossiê organizado pelos profs. Paulo Ricardo Muller (UFFS) e Melvina Afra Mendes de Araújo (UNIFESP).

Os conceitos de coetaneidade e pós-colonialidade referem-se movimentos de ampliação das perspectivas a partir das quais as Ciências Sociais abordam o continente africano contemporaneamente, implicando em críticas ao caráter eurocêntrico de seu referencial mais clássico. Experiências de pesquisa em contextos africanos, sobretudo em Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), são um componente significativo do processo de internacionalização da pesquisa e da pós-graduação em Ciências Sociais e produz aportes fundamentais para a consolidação da Educação das Relações Étnico-Raciais (ERER) nas instituições de ensino brasileiras, afirmando-se, assim, a relevância da temática proposta. O dossiê aqui proposto reunirá, assim, artigos dedicados à compreensão da contemporaneidade do continente africano tanto através de análises de processos históricos à luz de novos conceitos e abordagens das Ciências Sociais quanto da rediscussão de determinados pressupostos teórico-metodológicos à luz de novas questões, problemas, conflitos e práticas sociais.

A chamada de artigos para o dossiê estará aberta até o dia 15 de dezembro de 2019 e serão aceitos textos originais em português, espanhol e inglês. As contribuições devem ser submetidas através do sistema online da revista:

http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/mediacoes/index

Para uma visão mais detalhada da proposta e dos objetivos deste dossiê, acesse:

http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/mediacoes/announcement/view/270